Telefone: (51) 99963.5584 | dep.pedrowestphalen@camara.leg.br

Medicamento usado para o tratamento de Atrofia Muscular Espinhal será disponibilizado pelo SUS

Através do gabinete do senador Luis Carlos Heinze, o deputado Pedro Westphalen recebeu a boa notícia que o medicamento Spinraza, utilizado pelos portadores de Atrofia Muscular Espinhal – AME no tratamento da doença, será incorporado pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, assina, no próximo dia 24, às 10h, em reunião da Comissão de Assuntos Econômicos do Senado Federal (CAE), a portaria que oficializa o procedimento. Também nesse dia, será instalada a subcomissão de pessoas com deficiência.

Westphalen comemorou a notícia, “essa é minha luta diária: mais acesso e melhorias na saúde para população. Com esse medicamento liberado, milhares de pessoas poderão realizar seu tratamento, o acesso a saúde é um direito de todos. Continua

Junto ao ministro de Saúde, Mandetta

rei defendendo os direitos da população para uma saúde digna e de qualidade” concluiu o deputado.

Em fevereiro deste ano, o deputado federal, Pedro Westphalen esteve junto ao senador e o deputado estadual Adolfo Brito no Ministério da Saúde, e requereram a inclusão do medicamento na lista do SUS.

Conforme dados informações, no estado mais 300 pacientes sofrem com a doença. O custo anual do tratamento é de R$ 1,5 milhão, fazendo com que muitas famílias realizem campanhas e dependam de doações. A AME é uma doença genética que se caracteriza pela fraqueza e paralisa dos músculos, além de diminuição do tônus muscular. Estima-se que a atrofia de início durante a infância afete 1 pessoa para cada 10.000 nascidos e, que se inicia na idade adulta, 1 para cada 100.000.

Deixe uma resposta